Distribuidoras de Material hospitalar odeiam: empresa revela como economizar até 30% em materiais

Novas pesquisas de preços comprovam que distribuidoras cobram preços mais caros por materiais hospitalares de acordo com o poder de compra do cliente.

Cobrar preços diferentes de acordo com o tipo de cliente é uma prática que finalmente vão acabar?

Um novo serviço afirma que você pode economizar até 30% em materiais hospitalares em minutos. É possível encontrar produtos custando centavos, graças ao novo método.

Antes de explicar o novo método, gostaria de me apresentar. Meu nome é João Orlando e há 16 anos atuo em negócios. Sempre gostei de encontrar oportunidades de negócios nas empresas onde trabalhei. Apesar de ocupar cargos comerciais, minha visão para oportunidades sempre foi aguçada.

Atualmente, sou especialista em Materiais hospitalares como Luvas, toucas e mascaras.

Eu acredito que trabalhar na área de saúde é uma responsabilidade gigante. Eu acredito que é possível transformar a vida das pessoas através de materiais hospitalares, LITERALMENTE.

Desde que comecei a atuar com materiais hospitalares, eu queria conhecer a fundo como funcionava o mercado, o processo de comprar na fábrica e revender as mercadorias, logistica, tributos, afinal isso tudo tem impacto muito forte sobre a quantidade de pessoas que podem ser tratadas e curadas nos hospitais, clínicas, laboratórios, consultórios, etc.

Esses estabelecimentos de grande porte geralmente realizam cotações de preços online, inclusive  com a participação de fornecedores de vários estados.

Aí é que está a grande distorção do mercado de materiais hospitalares: alguns fornecedores que participam dessas cotações também vendem os mesmos produtos para clientes pequenos, mas cobram preços absurdos, até 30% mais caros.

A justificativa sempre é a mesma: quem compra maiores quantidades, tem mais desconto.

Particularmente, eu sempre achei isso muito injusto. Essa idéia de cobrar preços diferentes por um mesmo produto, fazendo distinção entre os clientes só pelo poder de compra, sempre me deixou incomodado.

Uma pergunta que eu sempre fazia aos donos das empresas é: “O que os seus clientes vão dizer quando souberem que você vende a mercadoria pra ele por um preço e para outro cliente você vende mais barato?”.

Algumas pessoas me disseram que era impossível resolver isso, que eu deveria me preocupar em vender, ao invés de tentar mudar essa prática de mercado que é tão distorcida. A gravidade maior é que muitas vidas estão sendo perdidas por causa dessa atitude, uma situação explicada simplesmente como “o mercado é assim”.

Com o passar do tempo, eu vi que realmente ninguém estava preocupado em resolver o problema dos clientes, afinal, esses fornecedores conseguiam lucrar de qualquer jeito. As coisas funcionavam assim e na visão deles, não havia outra forma de fazer negócio.

Percebendo que a minha tentativa de melhorar a saúde das pessoas através de materiais hospitalares estava ficando complicada demais, eu precisava fazer alguma coisa urgentemente. Comecei a estudar uma forma de resolver esse problema.

Eu descobri que a maioria das distribuidoras de material hospitalar:

  • vende o mesmo produto com preços diferentes para um grande cliente e um pequeno cliente (ou seja, de acordo com a quantidade que compra);
  • Exigem valor minimo de compra para entregar o pedido no endereço do cliente;
  • Cobram taxa de entrega;
  • Não oferecem vantagens para clientes antigos-fiéis;
  • Não dão acompanhamento depois da venda (só ligam quando querem vender);
  • Não antecipam a necessidade do cliente (você tem que pedir ou dirigir até a loja para comprar material, perdendo produtividade, tempo e tendo aborrecimentos);
  • Não se preocupam em ajudar, facilitar a vida dos clientes;
  • Nunca reconhecem-agradecem pela fidelidade e pelo tempo que vocês fazem negócios;
  • acredita que os clientes tem que se adaptar ao fornecedor e não o contrário;
  • Não valorizam o tempo dos clientes;
  • Não oferecem produtos com embalagens atraentes, exclusivas e modernas;
  • Não oferecem produtos personalizados;

 

Fiz pesquisas, visitei empresas, distribuidoras, falei com vendedores e até fui no maior evento  na área de saúde das américas: a feira hospitalar que acontece em São Paulo.

Ela reuniu expositores de mais de 70 países, aconteceram dezenas de palestras, 1200 marcas expositoras e 90 mil visitantes puderam conferir as novidades e trocar idéias.

Fiquei impressionado com as coisas que aprendi e nas oportunidades que eu vi.

Quando voltei pra minha cidade, eu resolvi colocar em prática o conhecimento que adquiri e criei um método inovador de fornecimento de luvas de procedimentos e materiais.

É um clube de assinaturas onde o assinante adquire uma “cota de estoque” e recebe materiais diretamente no endereço que escolher, sem precisar pedir.

Eu costumo dizer que é um sistema anti esquecimento, porque ele é capaz de entregar os materiais no conforto do seu consultório, clínica, hospital ou consultório sem você precisar pedir.

No momento, não estamos com vagas disponíveis para participação no clube de assinaturas, mas posso fazer algo interessante para você que está lendo este artigo.

Como forma de reconhecer o seu interesse no assunto e incentivar mais pessoas a melhorar a saúde dos pacientes/clientes, estou disponibilizando produtos com preços até 30% mais baixos do que o mercado pratica.

Basta você acessar este link e conferir quais os produtos estão disponíveis neste momento.

Como os produtos tem quantidade limitada, é possível que não encontre produtos disponíveis. Peço sua compreensão quanto a isso.

Hoje eu sou muito entusiasmado com o meu trabalho porque consegui encontrar um propósito de vida: melhorar a saúde das pessoas através de materiais hospitalares.

×
×

Carrinho